sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Orlando, por enquanto, fica.

Romário foi cogitado para o cargo de Ministro dos Esportes. O mesmo se encontra em Gadalajara, comentando os jogos da seleção brasileira. Pelé foi sondado e não aceitou ocupar o Ministério. Orlando Silva, enquanto isso, fica no cargo.

O PM que disse que iria apresentar as provas contra o ministro, até agora, nada. Vamos ver o que a revista Veja, neste final de semana vai aprontar.

Quem apostou na queda do ministro nesta sexta-feira, caiu do cavalo. Eu fui um dos que tomei o baque.

2 comentários:

Anônimo disse...

Welington e demais,

eu posso está enganado, mas esse ministro está blindado não somente pelo seu partido, mas pelos organismos internacionais que precisam que a Copa ocorra com a quantia de investimentos das quais estão sendo alocadas. Quanto a interferência das ONGs e Fundações na captação dos recursos federais, esta denúncia já vem ocorrendo desde 2010 (salvo engano), quando foram detectados irregularidades na FAZENDA DO MENOR, em Feira de Santana. Desse período para a atualidade, alguém sabe qual o desfecho que vem se dando a este processo?... Acredito que o mesmo ocorrerá com o Ministro. A Copa e Olimpíadas será garantida, independente de irregularidades que venham a ocorrer.

Abraços e no aguardo das discussões.

Edson

Welington Silva disse...

Olá, Edson. No semestre passado estive na Fazendo do Menor. Acompanhei um grupo de alunas que entrevistaram o seu diretor. O mesmo disse que todas as auditorias deram em nada, que não encontraram nada de anormal. Achei estranho mas... Quanto a questão dos desvios, isso vem se dando desde sempre, amigo. A própria denúncia sobre Orlando Silva vem de 2008.